< Voltar

Curso de Arquitetura e Urbanismo da Uningá recebe nota máxima do MEC

13 de abril de 2017

O curso de Arquitetura e Urbanismo da Uningá recebeu nota máxima na avaliação de reconhecimento feita pelo Ministério da Educação. Após visita à instituição, no mês de fevereiro, para verificar in loco as condições de oferta do curso, os avaliadores do órgão emitiram a nota 5 - dentro da escala de 1 a 5 - considerando de alta qualidade as condições apresentadas.

Atingir o teto na avaliação significa que o curso tem as melhores condições em todas as dimensões avaliadas, que são projeto pedagógico, corpo docente e infraestrutura.

A instituição recebeu com grande satisfação o resultado, afinal, como lembra a coordenadora do curso, Profª Ma. Alessandra Izelli Martins,  “o excelente conceito reflete toda a dedicação dos gestores, colaboradores, corpo docente e discente, que trabalharam ao longo dos seis anos de existência do curso na busca pela excelência no ensino de arquitetura e urbanismo nas três dimensões avaliadas”.

Para o Profº Ms. Ney Stival, pró-reitor de ensino, o projeto pedagógico de vanguarda está entre os itens que chamam a atenção no curso. O projeto que  inclui a interdisciplinaridade e a flexibilização curricular atende às exigências modernas de formação profissional.

Alessandra destacou ainda os excelentes laboratórios, biblioteca atualizada e corpo docente altamente qualificado (a maioria dos professores é mestre ou doutor), com experiência profissional e atuação no mercado de trabalho, como fatores que contribuíram para a excelente avaliação.

O curso de Arquitetura e Urbanismo da Uningá oferece atualmente 100 vagas anuais para os períodos diurno e noturno. O próximo vestibular para o curso acontece em duas datas neste final de ano: 29 de outubro e 26 de novembro

DESTAQUES VEJA TODOS