< Voltar

Pós-graduação em Controle da Dor e Medicina Paliativa da UNINGÁ com inscrições abertas

27 de março de 2018

A UNINGÁ está com inscrições abertas para a nova turma do curso de pós-graduação em Controle da Dor e Medicina Paliativa, com inicio previsto para junho. O curso tem duração de 19 meses com carga de 600 horas em módulos mensais com aulas às sextas e sábados no campus da UNINGÁ e no ambulatório do Hospital Memorial.

O curso de pós-graduação em Controle da Dor e Medicina Paliativa prepara médicos para diagnosticar e tratar a dor crônica e aguda. O profissional vai conhecer os principais mecanismos fisiopatológicos das síndromes dolorosas, como formar e trabalhar em equipe multidisciplinar, como identificar a origem da dor crônica e como realizar tratamento com o melhor resultado.

O curso tem nível de especialização e é ministrado por professores especialistas, mestres e doutores no assunto. Coordenado pelo professor doutor Orlando Colhado o curso reúne ainda os professores Paulo Adilson Herrera, Sanderland Gurgel, Eduardo Grossmann, Mauro Porcu, Luciano Henrique Gazoni Scremin, Túlio Cesar Xavier Ravelli, Marco Rocha Loures, Célia Regina Ambiel, Inês Gimenes Rodrigues, Luciana Nowacki, Maria Ida Bonini Ravanelli Spezialli, Alexandre Henrique Novotny, Helvércio Alves e Walter Climaco.

Nos serviços de emergência mais de 60% dos pacientes tem queixa de dor e dessa parcela em 85,4% dos casos a dor é a principal queixa. No Brasil calcula-se que 60 milhões de pessoas sofram de dor crônica.

O tratamento das síndromes dolorosas requer conhecimento da fisiopatologia, dos fatores causais e do tratamento, que podem variar quanto aos protocolos, seja medicamentosos ou via procedimentos intervencionistas para o controle da dor, com a previsão de atendimento multidisciplinar.

Na matriz curricular do curso estão as disciplinas de neurofisiologia da dor, farmacologia básica da dor, farmacologia geral da dor, medicina paliativa, dor aguda, semiologia do paciente com dor, dor orofacial, psicopatologia da dor (dor e saúde mental), diagnóstico da síndrome dolorosa por meio de imagem, síndromes dolorosas, introdução à metodologia de pesquisa cientifica, tratamento cirúrgico da dor, estratégias e fisioterapêuticas no tratamento da dor crônica, além do bloqueio percutâneos para o controle da dor.

DESTAQUES VEJA TODOS