HOSPITAL MEMORIAL UNINGÁ SE TORNA REFERÊNCIA EM CIRURGIAS BARIÁTRICAS

O Hospital está realizando em média 20 cirurgias por mês, atendendo pacientes de toda a região macro noroeste do Paraná.

27/06/2018 09h
Além de prestar atendimento aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), nas suas mais diversas especialidades, o Hospital Memorial UNINGÁ agora é referência também em Cirurgias Bariátricas ou Cirurgias para obesidade grau 3 no SUS. O Hospital está realizando em média 20 cirurgias por mês, atendendo pacientes de toda a região macro noroeste do Paraná.
A Cirurgia Bariátrica, também conhecida como redução de estômago, tem sido muito procurada, visto que, dos mais de 206 milhões de brasileiros, 1,6 milhão apresenta obesidade grave, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM). Vale ressaltar que, desses 1,6 milhão de obesos graves, 75,5% são pacientes do SUS, que hoje ainda apresenta dificuldades de acesso e filas de espera, agravando o risco de novas morbidades e complicações futuras a eles.
Segundo dados da SBCBM, cerca de 105mil cirurgias de redução foram feitas em 2017 no Brasil, e se comparado com 2016, teve um aumento de 5,6%.
De acordo com a diretora técnica do hospital, a médica anestesiologista Dra. Raquel Gobbi de Oliveira, esse é mais um passo importante que se dá em busca de uma saúde de qualidade a oferecer à população. “Somos referência por atender, em sua maioria pacientes do SUS encaminhados pelas UPAs e UBSs de Maringá e região, e hoje passamos a atender também esses casos que esperam tanto tempo na fila aguardando uma vaga para fazer a cirurgia bariátrica”, afirma ela.
O Hospital Memorial UNINGÁ conta com os cirurgiões Dr. Pablo Gonçalves de Souza e Dr. Leonidas Favero Neto, na equipe de Cirurgias Bariátricas. E aqueles que precisam da Cirurgia Bariátrica, devem procurar a Secretaria de Saúde da cidade e seguir as orientações para entrar na fila.

Este site utiliza cookies em sua navegação para melhorar a sua experiência.